Redação da FCC para o concurso do TRT

O ano de 2013 já começou bem para quem é concurseiro. Principalmente de concursos para tribunais.

Dia 27 de janeiro será realizada a prova do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT 1ª região). E, dia 03 de março, ocorrerá a prova do TRT 9ª região (Paraná).

Quem pleiteia uma vaga de analista tem um desafio a mais: a “dita cuja” da redação. No caso, Fundação Carlos Chagas sempre propõe temas abstratos com uma pitada de atualidade. Ultimamente, o fator conhecimento do que acontece hoje no mundo, tem sido decisivo para a produção do texto. Como em 2011, em que caíram temas como investimentos em energia nuclear, no Brasil, e sobre o a validade do cadastro positivo.

São com temas assim que muitos candidatos se complicam na hora de produzir. Seja por não conhecer o assunto ou, por conhecer, mas não conseguir organizar suas ideias. Sendo assim, é fundamental ler. Ler muito. Ler tudo que aparecer na sua frente. E, depois de ler, discutir (nem que seja com você mesmo) e ter um parecer mínimo a respeito.

Assim, você já estará a um passo de conseguir escrever um bom texto.

Contudo, como saber se você está preparado para essas redações? Como estamos em cima da hora para as provas, sugiro que você leia a proposta abaixo e faça a redação. Agora é o momento de conhecer seus acertos e aquilo que deve ser arrumado. Depois, se quiser, envie o seu texto a mim para ser avaliado.

Que tal o desafio? Vamos praticar?

Proposta: Fundação Carlos Chagas (TRT 21ª/ 2011)

A proposta de implantação de um cadastro positivo, banco de dados de bons pagadores, despertou polêmica. De um lado, há os que acreditam que esse cadastro possa levar à discriminação contra consumidores; por outro, há aqueles que comemoram o fato de que as informações do cadastro permitem a inserção de mais pessoas no crédito, com menores encargos.

Redija um texto dissertativo-argumentativo posicionando-se em relação à aceitação − ou não − do cadastro positivo de consumidores.

Seu texto dever ter no mínimo 20 linhas e no máximo 30.

 

Quer conhecer um texto nota 10 como inspiração para começar a praticar?

Veja neste post!

Autor(a): Professora Mariana Santana Marins, idealizadora do Escrever é Praticar. Especialista em Língua Portuguesa (UEL) e Mestranda em ensino de ciências humanas, sociais e da natureza (UTFPR - Londrina). Mais de 10 anos de experiência com aulas de português e redação na educação básica, no ensino superior e em preparatórios para concursos públicos. Revisora de diversas obras.

Gostou? Deixe um comentário!

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.



Gostaria de receber um e-book com dicas de redação?

Preencha o formulário abaixo e receba em seu e-mail!
Selecione uma opção para receber informações sobre o assunto.