Redação do concurso da Força Aérea Brasileira - FAB

Redação Força Aérea Brasileira - FAB

Se você tem como objetivo fazer parte da Força Aérea Brasileira, é fundamental saber que a redação deve fazer parte do seu cronograma de estudos, afinal ela tem caráter eliminatório e classificatório e é aplicada para todos os cargos.

            Anualmente, a Aeronáutica realiza concursos para diferentes funções e áreas de formação: médicos, dentistas, farmacêuticos, engenheiros, capelania, e oficiais de apoio com formação em administração, jornalismo, direito, pedagogia, psicologia, fisioterapia, enfermagem, e outros. São muitas oportunidades para você ingressar em uma das instituições mais importantes do País.

            Conheça, então, algumas informações fundamentais para uma ótima preparação para a redação da prova da FAB.

 

Características importantes da redação

- Cuidado com a caligrafia. É permitido usar letra de forma, no entanto as letras maiúsculas precisam estar bem diferenciadas. Portanto, capriche na caligrafia desde já e identifique quais são os pontos de maior ilegibilidade, pois, acima de tudo, sua letra deve ser legível.

- A redação deverá ter no mínimo 15 linhas e no máximo 30 linhas. Mas recomenda-se não escrever menos de 25 linhas completas (preencher até a metade do espaço da linha). Abaixo de 15 linhas o texto é anulado.

- O tema será a partir de um assunto da atualidade. É essencial que você mantenha-se atualizado, atento a fatos importantes para o País e o mundo, de diferentes áreas. Também estude acerca de tópicos de sociologia, filosofia e psicologia, como relacionamento interpessoal, ética, moral, cidadania, respeito, cultura, movimentos sociais, e outros. E, ainda, conheça bem a instituição, suas ações, valores e normas. Ler, assistir a filmes, documentários e conhecer obras de arte em geral aguçará seu senso crítico e reflexivo. Quanto maior seu repertório, melhor será sua argumentação.

- O tema é acompanhado de texto(s) motivador(es). Antes da apresentação do tema, há de 1 a 4 textos buscando contribuir na compreensão o contexto, assim como direcionam o que é esperado em seu texto. Eles podem ser verbais, ou com elementos visuais como charges, tirinhas, ícones, símbolos, gráficos, e outros que compõem a nossa vida. O objetivo é neste momento verificar a capacidade de leitura e reflexão do candidato a ponto de estimulá-lo a buscar em seu conhecimento de mundo outras referências significativas para apresentar em sua redação. Portanto, a argumentação não deve estar pautada somente nos textos da proposta, isso demonstrará conhecimento limitado e prejudicará a sua avaliação.

- Não é obrigatório inserir título. Como não é fator de avaliação e geralmente não há uma linha específica para ele, aconselha-se não se preocupar com título. Contudo, caso considere oportuno e não haja na folha um espaço específico para o título, ele deve ficar na linha 01, centralizado para que não seja confundido com o início do seu texto, e a introdução deve iniciar na linha 2.

- O texto deverá ser dissertativo-argumentativo em prosa. A redação deverá seguir estrutura tradicional dissertativa com introdução, desenvolvimento e conclusão; sendo essencial apresentar e defender um ponto de vista a respeito do tema com argumentos consistentes. E, em prosa, significa que não é permitido uso de versos, diálogos ou desenhos.

 

Conheça a estrutura do texto dissertativo

[  Clique aqui e saiba mais  ]

 

Critérios de correção

            A redação na prova da FAB terá como propósito verificar o conhecimento do candidato a respeito do tema e a sua capacidade de expressão escrita de acordo com a norma culta da Língua Portuguesa.

 

            Os critérios de correção estão divididos da seguinte forma:

I EXPRESSÃO: Pontuação, ortografia, caligrafia, vocabulário, acentuação gráfica e morfossintaxe. (Serão descontados 0,2000 por cada erro cometido relacionado a cada um dos aspectos avaliados).

II ESTRUTURA: Paragrafação. (Serão descontados até 0,5000 por cada erro cometido).

III CONTEÚDO. Dividido em:

  1. a) Pertinência ao tema proposto. (até 1,5000).
  2. b) Argumentação coerente. (até 1,5000).
  3. c) Informatividade. (até 1,5000).

            Em EXPRESSÃO serão avaliadas a linguagem e os aspectos gramaticais, e nesse quesito a banca é bem rigorosa, pois descontará dos pontos obtidos nos demais critérios, no entanto erro ortográfico idêntico será computado apenas uma vez. Então, se você tem dificuldade com a gramática, deve preparar-se desde já.

            Em ESTRUTURA será avaliada a construção dos parágrafos, se cada um cumpre com a sua função no texto, a ideia central, a coerência interna, uso de conectivos, elementos de retomada e a manutenção do tema. A construção de um bom parágrafo é essencial para a progressão textual.

            Em CONTEÚDO serão avaliadas a manutenção do tema, desde a contextualização, ponto de vista e defesa dele; a apresentação de argumentos concretos, assim como a sua coerência com o tema e o ponto de vista. Também será avaliada a sequenciação das ideias, equilibrando a exposição de informações novas com as já apresentadas, fugindo de padrões comuns de discussão e linguagem. Neste último quesito, espera-se que o candidato não demonstre um raciocínio frágil, generalista e impreciso.

 

Temas de redação já aplicados

            A FAB aplica o mesmo tema para diferentes cargos, por isso ele não terá relação com o conhecimento específico de determinada área, mas sim será retirado de um assunto atual e relevante. Confira alguns temas que foram cobrados em anos anteriores:

2013 - Sucesso profissional considerando os obstáculos e limites.

2014 - O desafio diante de mudanças na saúde e previdência no enfrentamento do envelhecimento populacional.

2015 - O egoísmo e individualismo na sociedade moderna em oposição à coletividade.

2016 - Altruísmo e abnegação na prática das virtudes militares e dos deveres cívicos próprios de todos os cidadãos.

            Observe como há uma variação entre temas da atualidade (saúde e previdência), temas subjetivos (sucesso profissional, egoísmo e individualismo, altruísmo e abnegação), temas cívicos (virtudes militares e deveres cívicos). Por isso sua preparação deve ser a mais ampla possível: além de conhecer bem o órgão, busque conhecimentos de filosofia e sociologia e atente-se a fatos atuais que tenham relação com os valores da Aeronáutica.

            Por fim, é essencial que você inicie a sua preparação para prova dissertativa o quanto antes, somente assim conseguirá dominar a estrutura da redação e superar todas as suas dificuldades. Como o padrão dissertativo da FAB é sempre o mesmo, não espere sair o edital para iniciar seu treino.

 

 

Preparar-se antecipadamente é essencial para uma boa redação argumentativa

[  Clique aqui e saiba mais  ]

 

Leia também:

Redação para o concurso da Marinha do Brasil

 

Redação e Estudo de Caso - TRF 3

Autor(a): Professora Mariana Santana Marins, idealizadora do Escrever é Praticar. Especialista em Língua Portuguesa (UEL) e Mestranda em ensino de ciências humanas, sociais e da natureza (UTFPR - Londrina). Mais de 10 anos de experiência com aulas de português e redação na educação básica, no ensino superior e em preparatórios para concursos públicos. Revisora de diversas obras.

Gostou? Deixe um comentário!

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.



Eduardo César Fonseca Valério

2 anos atrás

Muito boa essa publicação, grato.

Gostaria de receber um e-book com dicas de redação?

Preencha o formulário abaixo e receba em seu e-mail!
Selecione uma opção para receber informações sobre o assunto.